Unidade Curricular:Código:
Ferramentas Digitais145FDIG
Ano:Nível:Curso:Créditos:
4Ciclo IntegradoArquitectura e Urbanismo4 ects
Período Lectivo:Língua de Instrução:Nº Horas:
Segundo SemestrePortuguês/Inglês52
Objectivos de Aprendizagem:
A disciplina de Ferramentas Digitais, no âmbito do quarto ano, tem por objetivos que o aluno adquira competências – seja capaz de:
- Em ambiente digital, construir formas geométricas complexas a partir de vários métodos.
- Em ambiente digital, comunicar globalmente o projecto de arquitectura;
- Saber articular as várias ferramentas e técnicas disponibilizadas, recorrendo às mais adequadas à fase do processo e aos objectivos em causa para o desenvolvimento e comunicação de um projecto de arquitectura;
- Desenhar e construir modelos tridimensionais avançados que permitam a realização de imagens virtuais e a sua pós-produção,
- Enquadrar os conceitos e propostas em ambientes e realidades imaginárias,visando a comunicação final de um projecto de arquitectura;
- Potenciar a utilização das aplicações digitais como ferramentas de acompanhamento do acto de projectar arquitectura desde a ideia até ao final do processo de execução de obra.
Conteúdos Programáticos:
O conteúdo programático de Ferramentas Digitais, transversal ao conjunto dos exercícios (fichas de trabalho) ao longo do semestre, visa dotar o aluno das ferramentas que permitam recorrer ao meio digital como apoio a todo o processo de pensar e comunicar projeto.
1 – Modelação avançada em ambiente BIM;
Formas sólidas livres – morph tool
Membranas
Fachadas livres
2 – Modelação paramétrica
Algoritmo – definição e introdução
Operações básicas com elementos simples
Operações com membranas e sólidos
Lógicas paramétricas
Articulação com o BIM
3 – Informação em ambiente BIM
Listas
Mapas
Importação e exportação
4 – Comunicação de projecto
Renderização avançada
Pós produção de imagem
Composição e comunicação gráfica – painel e portfólio
Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objectivos da Unidade Curricular:
A execução do programa passa pela realização de exercícios teóricos e exercícios práticos – fichas de trabalho – desenhados para promover a complementaridade e simultaneidade dos diversos conteúdos programáticos.
A comunicação e formalização dos exercícios será feita de forma presencial, em sala de aula, e de forma não presencial, fora das horas de contacto. O veículo de registo de propostas e submissão de trabalho será a plataforma de e-learning, que poderá também servir como veículo de comunicação. O correio electrónico e as horas de atendimento do docente funcionam também como elemento de acompanhamento do desenvolvimento dos exercícios.
Metodologias de Ensino (Avaliação Incluída):
A avaliação é contínua, onde os conhecimentos e competências adquiridas pelo aluno serão sintetizadas na exposição gráfica, escrita e oral, bem como na apresentação/debate relativa a dois momentos de avaliação em datas a agendar.
O método de avaliação da unidade curricular baseia-se no modelo de avaliação contínua e compreende três componentes:
A componente prática é constituída por dois exercícios com ponderações diferenciadas na nota final da disciplina. 75%.
exercícios: PUR – pavilhão urbano e Comunicação de Projecto – painel + portfólio.
A componente teórica é avaliada a partir de um teste escrito. 20%.
A postura do aluno perante a turma, bem como a qualidade da sua participação em sala de aula serão aspetos avaliados individualmente para qualificar o Desempenho global do aluno. 5%.
Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objectivos de Aprendizagem da Unidade Curricular:
Os conhecimentos teóricos serão fornecidos através de aulas expositivas e de aulas expositivas acompanhadas, realizadas nos laboratórios informáticos da UFP, onde os alunos seguem no seu computador os procedimentos do docente. As aulas práticas permitem testar e aplicar de forma autónoma os exercícios lançados na componente teórico-prática e decorrem em regime tutorial de exposição de metodologias, técnicas e ferramentas dos programas informáticos adequados a cada módulo, a partir de situações concretas baseadas em peças arquitectónicas reais e paradigmáticas. 1 – Modelação avançada em ambiente BIM 1,5 ECTS 2 – Modelação paramétrica 1,5 ECTS 3 – Pós-produção de imagem 0,5 ECTS 4 – Comunicação de projecto 0,5 ECTS
Bibliografia:
[1] Schutte, L (2014) Typographic grid structures (em linha). Disp http://issuu.com/lauraschutte/docs/typography_2_-_typographic_book_par (cons 14/02/2018)
[2] Manual de referencia Archicad 21 de Graphisoft Editora: Infor (disponivel em formato pdf no programa)
[3] Gimp (2018). Tutorials (em linha). Disp http://www.gimp.org/tutorials/ (cons 14/02/2018)
[4] Scribus (2014). Tutorials (em linha). Disp http://wiki.scribus.net/canvas/Scribus (cons 14/02/2018)
[5] Ambrose, G, Harris, P (2005) Basics Design 02: Layout, Suic¸a : AVA Publishing SA, Disp https://issuu.com/chanuy/docs/basics_design_layout__second_editio (cons 14/02/2018)
[6] Grasshopper primer (2018). Tutorials (em linha). Disp http://grasshopperprimer.com/en/index.html?index.html (cons 14/02/2018)
[8] Rhino 5 Level 1 Training Guide and Models(2014). Tutorials (em linha). Disp https://www.rhino3d.com/tutorials (cons 14/02/2018)
Docente (* Responsável):
Pedro Santiago (psantiag@ufp.edu.pt)