Unidade Curricular:Código:
Enfermagem do Trabalho1013EFTR
Ano:Nível:Curso:Créditos:
1Pós-GraduaçãoEnfermagem do Trabalho4 ects
Período Lectivo:Língua de Instrução:Nº Horas:
Segundo SemestrePortuguês/Inglês52
Objectivos de Aprendizagem:
Ampliar conhecimentos no âmbito da Enfermagem do Trabalho;
Adquirir competências de enfermeiro do trabalho, que possibilitem intervir no âmbito da promoção, da proteção e no restabelecimento da saúde do trabalhador;
Desenvolver competências para elaboração e implementação de projetos de promoção e prevenção da saúde e segurança no local de trabalho;
Competências:
Demonstra conhecimentos no âmbito da Enfermagem do Trabalho;
Intervém nos domínios da promoção e prevenção da saúde e segurança no trabalho e diligencia ambientes de trabalho saudáveis;
Domina e aplica a legislação, políticas e procedimentos no âmbito da saúde e segurança no trabalho;
Implementa programas de melhoria contínua da qualidade do local de trabalho, valorizando a hierarquização dos princípios da prevenção;
Conteúdos Programáticos:
Princípios e fundamentos da prática de enfermagem do trabalho
Políticas globais em Saúde Ocupacional
Políticas de Prevenção, Promoção e Educação para a Saúde no Trabalho
Estratégias e atividades de promoção e proteção da saúde
Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objectivos da Unidade Curricular:
Pretende-se que os conteúdos desenvolvidos ao longo da unidade curricular capacitem os estudantes com conhecimentos teórico-práticos e competências gerais e especificas sobre os princípios da enfermagem do trabalho, promovendo a saúde dos trabalhadores. O estudante deve ser capaz de identificar perigos e riscos no local de trabalho, utilizar metodologias e técnicas de avaliação de riscos profissionais e proceder ao controlo e gestão de risco. Deve ainda aplicar medidas de prevenção, promoção e de proteção da saúde dos trabalhadores.
Metodologias de Ensino (Avaliação Incluída):
A Unidade Curricular desenvolver-se-á tendo por base a pesquisa bibliográfica, análise, discussão e reflexão critica conjunta sobre as temáticas abordadas, elaboração e discussão de trabalho de grupo orientado.
Os estudantes farão grupos, no máximo de três elementos, para elaboração de um estudo de caso de uma empresa/instituição, faseado por diferentes Unidades Curriculares que constituem o plano de estudos, tendo por base as áreas de intervenção da enfermagem do trabalho.
A avaliação contínua resultará da realização, apresentação e discussão de um trabalho de grupo, com ponderação de 100%.
Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objectivos de Aprendizagem da Unidade Curricular:
Para demonstração da coerência das metodologias de ensino com os objetivos de aprendizagem, optou-se por privilegiar metodologias interativas, permitindo aos estudantes a utilização dos conhecimentos teóricos em contexto real de trabalho, centrados na reflexão e analise de casos reais em contexto de trabalho, possibilitando a integração de conhecimentos no processo promoção, prevenção e restabelecimento da saúde dos trabalhadores.
Bibliografia:
CABRAL, Fernando - Segurança e Saúde do Trabalho-Manual de Prevenção de Riscos Profissionais. Editora Verlag-Dashofer, Lisboa, 2011
Diário da república. Lei n.º 102/2009. D.R. I Série. 176 (2009-09-10) 6167-6192
Diário da república. Lei n.º 7/2009. D.R. I Série. 30 (2009-02-12) 926-1028
ORGANIZAÇÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO - Sistemas de Gestão da Segurança e Saúde no Trabalho: Diretrizes Práticas da OIT. Lisboa: IDICT, 2002
Rogers, Bonnie. Enfermagem do Trabalho - Conceitos e prática, Lusodidacta, Lisboa, 2001.
ROXO, Manuel - Segurança e Saúde do Trabalho: Avaliação e Controlo de Riscos. Coimbra: Editora Almedina, 2009.
Uva, António Sousa. Diagnóstico e gestão do risco em saúde ocupacional. ACT (Autoridade para as Condições de Trabalho); 2ª ed. Lisboa, 2010.
Docente (* Responsável):
Docente Convidado (docente@ufp.edu.pt)
Margarida Ferreira (mmferreira@ufp.edu.pt)