Unidade Curricular:Código:
Perícias: Medicina Legal e Toxicologia780PMLT
Ano:Nível:Curso:Créditos:
2LicenciaturaCriminologia6 ects
Período Lectivo:Língua de Instrução:Nº Horas:
Segundo SemestrePortuguês/Inglês78
Objectivos de Aprendizagem:
Aquisição de conhecimentos na área da medicina legal, no que respeita ao seu âmbito, objectivos e competências. Obtenção de informação e conhecimentos teóricos relativos às áreas específicas da Patologia Forense e Toxicologia. Contacto com a resolução de casos práticos.
Conteúdos Programáticos:
Organização Médico-Legal Portuguesa. Tipo de perícias médico-legais e seu âmbito. Patologia Forense. Procedimentos gerais da autópsia Médico-Legal. Patofisiologia da morte. Sinais devidos à cessão das funções vitais e ao estabelecimento de fenómenos cadavéricos. Processos conservadores e destruidores do cadáver. Mecanismos e causas de morte. Autópsia em situações de: mortes naturais, morte súbita, constrição mecânica do pescoço, submersão, morte por arma branca e por armas de fogo. Apresentação de casos. Diagnóstico diferencial entre feridas vitais e post-mortem. Toxicologia Forense. Perícia toxicológica e seus objectivos no vivo e no cadáver. Investigação toxicológica. Recolha, envio e conservação das amostras. Cadeia de custódia. Análise toxicológica do material biológico. Interpretação dos resultados analíticos. Intoxicações pelo álcool, drogas e outros. Fiscalização da condução sob influência do álcool e substâncias psicotrópicas. Apresentação de casos.
Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objectivos da Unidade Curricular:
A coerência entre os conteúdos programáticos e os objectivos da unidade curricular traduz-se pela aquisição segmentada e orientada dos diversos conceitos e áreas específicas de aplicação das ciências médico-legais fomentando o desenvolvimento do espírito crítico e a capacidade de aplicação dos conhecimentos adquiridos na realização de perícias médico-legais e na resolução de questões do foro médico-legal. A constante solicitação de actividades de cariz prático ajuda ao cumprimento dos objectivos estabelecidos.
Metodologias de Ensino (Avaliação Incluída):
A execução pedagógica consta de aulas teórico-práticas com (1) exposição e debate dos conceitos teóricos relevantes em sala de aula; (2) demonstração da aplicação prática dos conceitos apresentados; e (3) orientação do estudo autónomo dos alunos por consulta da bibliografia recomendada.
A avaliação consta de duas provas escritas de aferição de conhecimentos (uma sobre Patologia Forense e uma sobre Toxicologia Forense), com o peso de 50% cada da nota final.
Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objectivos de Aprendizagem da Unidade Curricular:
As metodologias de ensino são concordantes com os objectivos da unidade curricular na medida em que procuram dotar os alunos de conhecimentos relativos às áreas específicas da Patologia e Toxicologia Forense no que respeita ao seu âmbito, objectivos e modo de realização de perícias. Com a resolução de casos práticos pretende-se que o aluno desenvolva o espírito crítico e reflexivo e adquira competências que permitam a actualização e o progresso no domínio científico e sua aplicação prática. Além da bibliografia essencial em anexo, cada tópico será acompanhado por leituras específicas que serão debatidas nas aulas de modo a estimular a compreensão da problemática e formação de um espírito crítico. As provas escritas de aferição de conhecimentos permite uma avaliação da medida em que os objectivos propostos foram cumpridos.
Bibliografia:
Calabuig, J.A.Gisbert, Medicina Legal y Toxicologia, 6ª ed, Masson, 2004.
Knight, Bernard, Forensic Pathology, Arnold Press, 2a ed., London, 1996.
DiMaio, V.J. e DiMaio, D., Forensic Pathology, CRC Press, 2001.
Payne-James J. et al., Encyclopedia of forensic and legal medicine. London: Elsevier Academic Press; 2005.
Klaassen, C.D. (Ed.), Casarett & Doull´s Toxicology – The basic science of poisons. 6th Ed. McGraw-Hill, 2001.
Jickells, S., Negrusz, A. (Eds), Clarke´s Analytical Forensic Toxicology, Pharmaceutical Press, 2008.
Frederick P. Smith (Ed.), Handbook of Forensic Drug Analysis, Elsevier Academic, 2005.
Levine, B., Principles of Forensic Toxicology. American Association for Clinical Chemistry, USA, 2003.
Dart, R. (Ed.), Medical Toxicology. Lippincott Williams & Wilkins, Philadelphia, USA, 2004.
Legislação Portuguesa aplicável
Docente (* Responsável):
Francisco Taveira (ftaveira@ufp.edu.pt)
Márcia Carvalho (mcarv@ufp.edu.pt)