Unidade Curricular:Código:
Biologia e Bioquímica Fisiológica1077BBFI
Ano:Nível:Curso:Créditos:
1LicenciaturaEnfermagem3 ects
Período Lectivo:Língua de Instrução:Nº Horas:
Primeiro SemestrePortuguês/Inglês39
Objectivos de Aprendizagem:
Adquirir conceitos fundamentais de Biologia e Bioquímica Fisiológica;
Assimilar os aspetos fundamentais da Biologia e da Bioquímica e aprofundar os domínios celulares e particulares do metabolismo das principais biomoléculas;
Capacitar e relacionar algumas situações clínicas com alterações nas vias metabólicas estudadas;
Descrever e utilizar os conhecimentos e competências da Biologia e Bioquímica Fisiológica para a prestação de cuidados de enfermagem;
Adquirir instrumentos e desenvolver capacidades para doseamento de glucose, respiração mitocondrial, determinação de triacilgliceróis e quantificação do colesterol total e HDL.
As competências definidas pela Ordem dos Enfermeiros (OE) são adquiridas ao longo do curso de licenciatura em enfermagem, sendo a sua plenitude alcançada no final de todas as componentes teóricas e práticas.
Conteúdos Programáticos:
Teórica:
1. Metabolismo dos Hidratos de Carbono
Glicólise
Gluconeogénese
Ciclo de Krebs
Cadeia de transporte de electrões e Fosforilação oxidativa
Via oxidativa do fosfogluconato
Glicogénio
Doenças do metabolismo dos hidratos de carbono
2. Metabolismo Lipídico
Oxidação e síntese de ácidos gordos
Lipogénese e mobilização dos depósitos lipídicos
Corpos cetónicos
Colesterol
Doenças do metabolismo lipídico
3. Metabolismo dos Aminoácidos
Transaminação e desaminação
Ciclo da ureia
Aminoácidos glucogénicos e cetogénicos
Doenças do metabolismo dos aminoácidos
Teórico-prática:
1. Os componentes químicos da célula
2. Estrutura e função das biomoléculas
3. Célula: A unidade fundamental da vida
4. Comunidades celulares
5. Organismos acelulares
6. Genética e evolução
Prática Laboratorial:
1. Doseamento de glucose
2. Respiração mitocondrial
3. Determinação de triacilgliceróis
4. Quantificação do colesterol total e HDL
Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objectivos da Unidade Curricular:
Os conteúdos programáticos que integram a unidade curricular permitem ao estudante compreender e adquirir conhecimentos na área da Biologia e Bioquímica Fisiológica. Simultaneamente apresentam-se algumas doenças do metabolismo, relacionando situações clínicas com alterações nas vias metabólicas estudadas. Pretende-se também que os estudantes adquiram e desenvolvam competências empíricas ao contactar com novas metodologias laboratoriais. Os conteúdos estão em coerência com os objetivos a atingir pelos estudantes, capacitando-os a integrar os conhecimentos de Biologia e Bioquímica Fisiológica nos cuidados de enfermagem.
Metodologias de Ensino (Avaliação Incluída):
As aulas teóricas e teórico-práticas utilizarão o método interrogativo, expositivo e demonstrativo. As aulas práticas laboratoriais serão realizadas em ambiente laboratorial em que se fará a interação entre as aulas teóricas e teórico-práticas e o meio laboratorial. A abordagem dos conteúdos será feita utilizando metodologias ativas e reflexivas, recorrendo-se à resolução de exercícios, estudos de caso, análise e discussão de situações problema.
Teórica: Duas provas de avaliação escrita que incidem nos conteúdos programáticos lecionados (T1+T2).
Teórico-prática: Duas provas de avaliação escrita que incidem nos conteúdos programáticos lecionados (TP1+TP2).
Prática Laboratorial: Quatro mini-testes sobre os trabalhos práticos laboratoriais (P1+P2+P3+P4) e avaliação contínua de procedimentos laboratoriais (ACP).
Classificação Final = [{(T1+T2)/2} x 0,4] + [{(TP1+TP2)/2} x 0,4] + [{((P1+P2+P3+P4)/4) x 0,9) + (ACP x 0,1)} x 0,2]
Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objectivos de Aprendizagem da Unidade Curricular:
Numa primeira fase, é importante que os estudantes assimilem os aspetos fundamentais da Biologia e da Bioquímica, e aprofundem os domínios particulares do metabolismo das principais biomoléculas. Sendo assim, nas aulas teóricas e teórico-práticas procede-se à exposição dos conceitos e orientação do estudo dos estudantes por consulta da bibliografia recomendada. Numa segunda fase, pretendem-se introduzir algumas situações clínicas relacionadas com alterações nas vias metabólicas estudadas. Para isso, as aulas teóricas incluem ainda a discussão detalhada, com resolução de exercícios, sobre os principais temas, incluindo a análise de doenças do metabolismo, seus sintomas e relação com a(s) causa(s), e tratamentos possíveis. Pretende-se também que os estudantes adquiram e desenvolvam competências empíricas ao contactar com novas metodologias laboratoriais. Sendo assim, as aulas práticas laboratoriais incluem a execução de trabalhos práticos de aplicação dos vários conceitos teóricos.
Bibliografia:
Alberts, B., Bray, D., Hopkin, K., Johnson, A., Lewis, J., Raff, M., Roberts, K., Walter, P. (2013). Essential Cell Biology. 4ª ed., Garland Science.
Azevedo, C., Sunkel, C.E. (2012). Biologia Celular e Molecular. 5ª ed., Lidel.
Berg, J.M., Tymoczko, J.L., Stryer, L. (2006). Biochemistry. 6ª ed., W.H. Freeman and Company.
Cardoso, I.L., Leal, F. (2013). Manual de Exercícios de Bioquímica. ed. UFP.
Cardoso, I.L., Moutinho, C, Sousa e Silva, C., Lemos, C., Leal, F., Silva, P. (2014). Trabalhos Laboratoriais de Bioquímica. 3ª ed., ed. UFP.
Devlin, T.M. (2006). Textbook of Biochemistry with Clinical Correlations. 6ª ed., Wiley-Liss.
Leal, F., Cardoso, I.L. (2013). Casos Clínicos em Bioquímica. ed. UFP.
Mckee, T., Mckee, J.R. (2008). Biochemistry: the Molecular Bases of Life. 4ª ed., McGraw-Hill.
Nelson, D.L., Cox, M.M. (2013). Lehninger Principles of Biochemistry. 6ª ed., W.H. Freeman and Company.