Unidade Curricular:Código:
Fonética e Fonologia1023FOFO
Ano:Nível:Curso:Créditos:
1LicenciaturaTerapêutica da Fala5 ects
Período Lectivo:Língua de Instrução:Nº Horas:
Segundo SemestrePortuguês/Inglês65
Objectivos de Aprendizagem:
1- Dominar o Alfabeto Fonético Internacional e a transcrição fonética do Português Europeu;
2- Identificar assuntos-chave sobre o processo de produção da fala;
3- Distinguir os três ramos da Fonética;
4- Conhecer as principais teorias da Fonologia;
5- Formular hipóteses sobre a aquisição e desenvolvimento fonológico do Português Europeu e estruturar as suas etapas principais;
6- Conhecer os conceitos de Discriminação auditiva e Consciência Fonológica;
7- Demonstrar evidências de raciocínio clínico na análise das diferentes terminologias usadas no domínio das Perturbações dos Sons da Fala;
8- Reconhecer instrumentos e processos de avaliação formais e informais nas Perturbações dos Sons da Fala;
9- Dominar os principais programas de intervenção de base articulatória e fonológica e demonstrar evidências de raciocínio clínico em estudos de caso
Conteúdos Programáticos:
1.Fonética
1.1.Fonética Articulatória
1.2.Fonética Acústica
1.3.Fonética Perce(p)tiva
2.Fonologia
2.1.Sons e Fonemas: Classificação de sons e sequências de sons
2.2.Sistemas de traços distintivos: a matriz fonológica
3.Representação Fonética do Português Europeu (AFI e SAMPA)
4.Aparelho Fonador e Produção da Fala
5.Prosódia
5.1.Características acústicas: tom, duração e intensidade
5.2.Propriedades acentuais das sílabas
6.Desenvolvimento Fonológico
6.1.Aquisição Fonológica
6.2.Processos Fonológicos: inserção de segmentos; supressão de segmentos; alteração de segmentos
6.3.Processos Fonológicos de Simplificação que ocorrem no desenvolvimento infantil
7. Consciência Fonológica e Discriminação Auditiva
8.Perturbação dos Sons da Fala
8.1.Terminolologia
8.2.Prevalência e Etiologia
8.3.Avaliação
8.4Intervenção
8.5. Estudos de caso
Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objectivos da Unidade Curricular:
Os conteúdos programáticos (CP) foram delineados em função dos objetivos de aprendizagem (OA) da unidade curricular:
CP1- OA3
CP2- OA4 e 5
CP3- OA1
CP4- OA2
CP5- OA4
CP6- OA5
CP7- OA6
CP8- OA7,8 e 9
No CP1 são abordados os conceitos fundamentais associados à distinção entre fonética articulatória, percetiva e acústica.
No CP2 distingue-se o conceito de Fonética de Fonologia e procede-se à classificação dos sons da fala do Português Europeu (PE).
O CP3 incide na transcrição fonética do PE.
Nos pontos 4 e 5 são abordados os aspetos segmentais e suprassegmentais da linguagem verbal oral.
No CP6 são focadas as etapas do desenvolvimento fonológico e os processos de simplificação no desenvolvimento infantil.
No CP7 introduz-se conceitos de discriminação auditiva e consciência fonológica.
No CP8 abordam-se as perturbações dos sons da fala no desenvolvimento infantil, sua deteção, diagnóstico, avaliação e intervenção.
Metodologias de Ensino (Avaliação Incluída):
Metodologias ativas, colaborativas e expositivas:
1- Resolução de problemas em pequenos grupos;
2- Sessões de brainstorming de tópicos e questões a serem investigados pelos alunos;
3- Orientação da pesquisa realizada pelos alunos;
4- Resumo e síntese da pesquisa realizada pelos alunos e discussão em grupo;
5- Apresentação de conteúdos programáticos com recurso a projeções, exemplificações, casos clínicos em vídeo.
Avaliação:
Época normal
- Avaliação Distribuída – 2 Testes (50%+50%)
Época Recurso
- Exame (100%)
Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objectivos de Aprendizagem da Unidade Curricular:
As metodologias de ensino adoptadas para esta unidade curricular são coerentes com os objetivos definidos, uma vez que permitem um aprofundamento do conhecimento dos alunos e a sua participação ativa nas aulas através de estratégias ativas e colaborativas de aprendizagem, combinadas com métodos expositivos e tradicionais. O professor será um facilitador do processo de aprendizagem do aluno, fomentando o relacionamento dos conceitos, a capacidade de análise e a discussão e reflexão com a prática da terapia da fala. Objetivo1- metodologia expositiva- avaliação: teste escrito Objetivo2- metodologia ativa- avaliação: teste escrito Objetivo3 e 4 - metodologia expositiva- avaliação: teste escrito Objetivo5- metodologia ativa - avaliação: teste escrito Objetivo 6- metodologia ativa e expositiva- avaliação: teste escrito Objetivos 7,8,9 e 10- metodologia ativa e expositiva- avaliação: teste escrito
Bibliografia:
Wayne, A. (2007). Eliciting sounds : techniques and strategies for clinicians. New York : Delmar Cengage Learning.
Bowen, C. (2009). Children's speech sound disorders. Oxford : Wiley Blackwell.
Emiliano, A. (2009). Fonética do Português Europeu : descrição e transcrição. Lisboa : Guimarães Editores, cop.
Martins, M. (2005). Ouvir falar : introdução à fonética do português. Lisboa : Caminho.
Mateus, M., Falé, I., Freitas, M. (2005). Fonética e Fonologia do Português. Lisboa : Universidade Aberta.
Moutinho, L. (2000). Uma introdução ao estudo da fonética e fonologia do português : seguida de exercícios de aplicação. Lisboa : Plátano.
Roth, F. P., & Worthington, C. K. (2015). Treatment resource manual for speech language pathology. Nelson Education.
Velleman, S. (2016). Speech sound disorders. Philadelphia : Wolters Kluwer.
Docente (* Responsável):
Isabel Ponce de Leão (ivaz@ufp.edu.pt)
Joana Rocha (jrocha@ufp.edu.pt)