Unidade Curricular:Código:
Processamento da Linguagem898PLIN
Ano:Nível:Curso:Créditos:
1DoutoramentoDesenvolvimento e Perturbações da Linguagem (Perturbações da Linguagem)4 ects
Período Lectivo:Língua de Instrução:Nº Horas:
Primeiro SemestrePortuguês52
Objectivos de Aprendizagem:
Esta unidade curricular tem como principal objetivo apoiar e promover pesquisas avançadas, inovadoras e independentes, no domínio do processamento da linguagem. Espera-se que alunos aprofundem e formem novos conhecimentos discutindo temas escolhidos a partir de pesquisas recentes no campo. Espera-se igualmente que os estudantes sejam capazes de aplicar conceitos cognitivos e psicolinguísticos relevantes aos seus tópicos de interesse.
Conteúdos Programáticos:
Temas aprofundados em psicolinguística. Esses temas, e respetiva análise e discussão de dados, são selecionados com base nos tópicos de interesse do aluno, relevantes para o seu projeto de doutoramento.
Os tópicos podem incluir (entre outros): arquitetura mental para a linguagem e léxico mental; teorias do processamento da linguagem e mecanismos mnésicos; produção de fala; reconhecimento e compreensão de fala; leitura e escrita; abordagem neurocognitiva às perturbações (desenvolvimentais e adquiridas) de linguagem (falada e escrita).
Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objectivos da Unidade Curricular:
Os conteúdos programáticos, sendo orientados para a pesquisa, encontram-se adequados à prossecução dos objetivos de aprendizagem definidos para a presente unidade curricular, na medida em que aprofundam temas recentes da psicolinguística, articulando esse conhecimento com a apresentação de exemplos de estudos de investigação e de metodologias.
Metodologias de Ensino (Avaliação Incluída):
A unidade curricular encontra-se organizada em formato de seminário, assente na discussão coletiva de textos e/ou de materiais de trabalho relacionados com os conteúdos programáticos. Os tópicos propostos serão postos em prática, analisados e avaliados de forma crítica, sendo os alunos treinados para avaliar o resultado desses procedimentos.
A avaliação tem em consideração a assiduidade e participação no seminário.
Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objectivos de Aprendizagem da Unidade Curricular:
As metodologias de ensino adotadas encontram-se alinhadas com os objetivos de aprendizagem definidos para a unidade curricular, visando o aprofundamento e a construção de conhecimentos nesta área de estudo. Adotando o formato de seminário, é dada ênfase à análise e debate dos temas em estudo, visando estimular no aluno a investigação, o espírito crítico e o rigor metodológico, bem como fornecer pistas de pesquisa, preparando-o para a feitura da tese de doutoramento.
Bibliografia:
Fernández, E. M., & Cairns, H. S. (Eds.) (2017). The handbook of psycholinguistics. New York: Wiley-Blackwell.
Harley, T. A. (2013). The psychology of language. From data to theory (4ª ed.). Hove: Psychology Press.
Hillis, A. E. (Ed.) (2015). The handbook of adult language disorders (2ª ed.). New York: Psychology Press.
Paul, R., Norbury, C., & Gosse, C. (2017). Language disorders from infancy through adolescence (5ª ed.). Missouri: Elsevier.
Pinker, S. (2015). The language instinct. How the mind creates language. New York: Penguin Group.
Perera, J., Aparici, M., Rosado, E., & Salas, N. (Eds.) (2016). Written and spoken language development across the lifespan. Essays in honour of Liliana Tolchinsky. New York: Springer.
Poibeau, T., & Villavicencio, A. (Eds.) (2017). Language, cognition, and computational models. Cambridge: Cambridge University Press.
A bibliografia poderá ainda ser complementada em função dos temas de investigação abordados no seminário.
Docente (* Responsável):
Inês Gomes (igomes@ufp.edu.pt)