Unidade Curricular:Código:
Clínica Integrada I842CIT1
Ano:Nível:Curso:Créditos:
5Ciclo IntegradoMedicina Dentária6 ects
Período Lectivo:Língua de Instrução:Nº Horas:
Primeiro SemestrePortuguês/Inglês78
Objectivos de Aprendizagem:
Adquirir conhecimentos e permitir o desenvolvimento de competências que permita aos alunos avaliar a informação recolhida do paciente e ser capaz de dar resposta clínica, com postura e meios de comunicação adequados nas áreas da dentística, endodontia, cirurgia e Periodontia, bem como proporcionar um suporte científico para a compreensão das técnicas e materiais, simples e avançadas, fundamentais para o diagnóstico, planeamento e execução do tratamento, sempre com orientação do docente. Nesta UC pretende-se que o aluno consiga elaborar exames clínicos e recorrer a meios auxiliares de diagnóstico, sendo capaz, de elaborar um diagnóstico e planear as prioridades de tratamento terapêutico e profilático nas diferentes áreas.
Conteúdos Programáticos:
Abordagem de temas teóricos nas áreas de endodontia, oclusão, geriatria, microbiologia, farmacologia e nutrição, por forma a complementar os conhecimentos cientificos, permitindo o desenvolvimento de competências por parte dos alunos para que sejam capazes de dar uma melhor resposta clínica no atendimento de pacientes.
Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objectivos da Unidade Curricular:
Teórica (T; Uma hora semanal; Total: 15h): Abordagem de temas teóricos nas áreas de endodontia, oclusão, geriatria, microbiologia, farmacologia e nutrição. Prática Laboratorial (PL; seis horas semanais em ambiente clínico; Total: 90h): Atendimento de pacientes no âmbito da clínica integrada I, em ambiente clínico. Orientação tutorial (OT; 7.5 horas)+Outras sessões (O; 7.5 horas): Pesquisa orientada para casos clínicos. É incentivada a orientação, pesquisa e a seleção bibliografia científica adequada no âmbito dos temas descritos no programa desta unidade curricular, fomentando assim a leitura científica, o desenvolvimento de capacidade crítica e contacto com nomenclatura científica, bem como a motivação para a elaboração de trabalhos de investigação e apresentações científicas no âmbito da disciplina.
Metodologias de Ensino (Avaliação Incluída):
A avaliação resulta da ponderação de 20% da componente teórica (T) e de 80% da componente prática laboratorial (PL) em clínica e será efetuada de acordo com o Regulamento Pedagógico em vigor. O regime de avaliação da componente (T) compreende a realização de uma prova escrita de acordo com o programa. A classificação mínima de aprovação na prova escrita será de 10 valores. A não obtenção de classificação mínima na prova escrita remete o aluno para exame de recurso em época para o efeito, fixada no cronograma académico. A avaliação prática laboratorial (PL) em clínica inclui assiduidade (90%), pontualidade e postura no atendimento ao paciente, competências científicas, técnicas e relacionais, qualidade do trabalho clínico, organização e limpeza do espaço de trabalho. O regime de assistência às aulas é o adotado no Regulamento Pedagógico em vigor. Para obter a creditação o aluno terá de garantir a obtenção de 6 ECTS previstos, cumprindo o descrito na avaliação.
Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objectivos de Aprendizagem da Unidade Curricular:
Aulas teóricas (T; 16 Horas; Uma hora semanal) - destinam-se a expor e a atualizar, de forma descritiva e organizativa, os conceitos, teorias e postulados descritos nos conteúdos programáticos da clínica integrada I que, apoiados numa bibliografia, visam desenvolver competências científicas e profissionais nos alunos. Aulas práticas laboratoriais (PL; 90 Horas; seis horas semanais)- Sessões realizadas na clínica semanalmente, onde será efectuado atendimento de pacientes pelos alunos, que serão supervisionados e monitorizados pelos docentes responsáveis. Serão efectuados diagnósticos e tratamentos, nas áreas de dentística, cirurgia, endodontia e periodontia, conforme os protocolos e normas de boas práticas clínicas, para desenvolvimento de competências terapêuticas e o aperfeiçoamento de diversas técnicas operatórias, promovendo o atendimento clínico de pacientes com postura, qualidade e segurança. Aulas OT (7.5 Horas): Sessões de orientação dos alunos, no sentido de lhes permitir atingir os seguintes objectivos: usar corretamente bibliografias; desenvolver métodos de pesquisa científica para suporte de casos observados na prática clínica da UC. Aulas O (7.5 Horas): Sessões livres, no sentido de possibilitar ao aluno usar corretamente meios de diagnóstico auxiliares (ex. Fotografia, imagiologia) e dispositivos médicos com aplicabilidade clínica no âmbito da clínica integrada I.
Bibliografia:
1. Cohen’s Pathways of the Pulp” Eleventh Edition, Elsevier, Pag 793- 815; 2. Okeson JP, Temporomandibular disorders and occlusion. 7ªed. St Louis, 2013. Mosby. Pp.222-242 291-316, Laskin DM, Greene CS, Hylander WL. TMD’s na evidence-based approach to diagnosis and treatment. 1ª ed. Chicago, 2006. Quintessence. Pp. 255-269, 483-500; 3. Okeson JP,Joint intracapsular disorders: diagnostic and nonsurgical management considerations. Dent Clin North Am. 2007 Jan;51(1):85-103, vi. Wright EF. Manual of Temporomandibular Disorders, 2nd ed. Iowa: Wiley-Blackwell, 2010:113-125; 4. Goodman and Gilman´s - The pharmacological basis of therapeutics 13th ed. Ed McGraw-Hill - 2018; 5. Mahan L. Kathleen; Krause.s food, nutrition, & diet therapy. ISBN: 978-0721697840; 6. Abdelnasser, Moustafa. 2014. “Infection Prevention and Control In.” 2014.