Unidade Curricular:Código:
Nutrição e Dietética na Pessoa Idosa1006NDPI
Ano:Nível:Curso:Créditos:
1CTSPGerontologia e Intervenção Comunitária4 ects
Período Lectivo:Língua de Instrução:Nº Horas:
Segundo SemestrePortuguês/Inglês52
Objectivos de Aprendizagem:
São objetivos do seu ensino estimular o interesse e o espírito crítico por todas as questões relacionadas com a alimentação/nutrição e a saúde no idoso, perceber a importância e os fundamentos da educação alimentar, compreender as necessidades nutricionais na terceira idade e a importância dos alimentos na prevenção e tratamento de certas doenças.
Conteúdos Programáticos:
1. Alimentação e saúde
1.1.- Principais erros e excessos alimentares em Portugal
1.2.- Conceito actual de alimentação saudável: regras de ouro da alimentação saudável
1.3.- Alimentação mediterrânica e Alimentação vegetariana
2. Alimentos e nutrientes
2.1. Macronutrientes - Nutrientes essencialmente energéticos
2.2. Macronutrientes – Nutrientes essencialmente de formação e manutenção de estruturas
2.3. Nutrientes essencialmente reguladores
3. A Nova Roda dos Alimentos – Organização e mensagens
4. Culinária saudável
4.1. Efeitos gerais da culinária sobre os nutrientes
4.2. Métodos culinários
4.3. Efeito do método de confecção no teor lipídico e energético dos alimentos
4.4. Utilização adequada de gorduras
5. Alimentação no idoso:
5.1. Necessidades do idoso saudável.
5.2. Alimentação e prevenção da doença.
5.3. Cuidados alimentares/dietéticos a ter em conta nalgumas patologias que afectam os idosos.
Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objectivos da Unidade Curricular:
Os conteúdos apresentados anteriormente permitirão que o aluno consiga identificar os constituintes dos alimentos, nutricionais e não nutricionais e suas funções; compreender a importância da alimentação/nutrição como parte integrante da promoção de saúde e prevenção da doença e; reconhecer as diferentes necessidades e restrições nutricionais/alimentares em função da fase no ciclo de vida e na doença.
Metodologias de Ensino (Avaliação Incluída):
A avaliação será contínua e periódica. Para a avaliação contínua contribuirão parâmetros como a assiduidade, interesse demonstrado, forma de participação e atitude no contexto da aula. A avaliação periódica será composta por um momento de avaliação escrita (70%) marcado pela docente no início do semestre e pela avaliação contínua e de um trabalho de grupo (30%). A falta ou desistência a qualquer uma das avaliações implica a classificação de zero valores a essa mesma prova e implica a natural consequência falta de um elemento de avaliação. Cada uma das avaliações escritas incide sobre o programa leccionado até ao momento da prova. O aluno é considerado “aprovado” à unidade curricular com classificação igual ou superior a 10 valores em cada uma das avaliações.
Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objectivos de Aprendizagem da Unidade Curricular:
A unidade curricular tem uma carga horária semanal correspondente de uma aula teórico-prática (TP). As aulas terão essencialmente características de seminário, onde serão analisados e discutidos os conteúdos programáticos anteriormente referidos. Os alunos realizarão trabalho de pesquisa e cruzamento de informação, a partir de situações de trabalho em grupo, eventuais visitas de estudo e outras formas de aprendizagem participada, que a docente considerar conveniente no momento.
Bibliografia:
Council of Europe (2008) Committee of experts on nutrition fach. Nutrition in care homes and home care report and recommendations: from recommendations to action. Strasbourg.
Insel P., Turner R.E., Ross D. (eds.). Nutrition. Jones and Bartlett Publishers, 2007 (3th edition).
Mahan LK, Escott-Stump S (eds.). Krause’s Food, Nutrition and Diet Therapy. W. B. Saunders Company, Philadelphia, 2008 (12th edition).
Docente (* Responsável):
Raquel Silva (raquel@ufp.edu.pt)