Unidade Curricular:Código:
Monitorização e Acompanhamento de Idosos 1006MOAI
Ano:Nível:Curso:Créditos:
1CTSPGerontologia e Intervenção Comunitária4 ects
Período Lectivo:Língua de Instrução:Nº Horas:
Segundo SemestrePortuguês/Inglês52
Objectivos de Aprendizagem:
Possuir conhecimentos sobre comportamentos e necessidades correntes dos idosos.
Saber atuar com os idosos em diferentes contextos sociais.
Adquirir competências de relacionamento com os idosos.
Interagir com responsáveis pelo acompanhamento de idosos.
Conhecer e aplicar processos de monitorização de idosos.
Formar utilizadores de equipamentos de apoio ao acompanhamento e a monitorização de idosos.
Conteúdos Programáticos:
I. Acompanhar idosos em diferentes contextos.
1.1. Na comunidade.
1.2. Nos hospitais e outras instituições
1.3. No contexto residencial
II. Monitorização remota e prevenção de infoexclusão de idosos
1.1. Pedido de auxílio para uso no domicílio e no exterior.
1.2. Envio e receção de alertas via mensagens escritas e/ou mensagens de voz.
1.3. Deteção de quedas.
1.4. Localização exata do equipamento/pessoa via GPS
1.5. Monitorização de sinais vitais do idoso.
1.6. Rede social digital
1.7. Centro de controlo.
1.8. Sala de convívio virtual
Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objectivos da Unidade Curricular:
Os conteúdos programáticos permitem fornecer ao aluno o conhecimento necessário sobre comportamentos e necessidades dos idosos bem como saber atuar junto destes.
Acresce a demonstração e ensaio sobre os processos de monitorização e acompanhamento dos idosos, refletindo sobre as vantagens das tecnologias actuais na vida dos mais idosos
Metodologias de Ensino (Avaliação Incluída):
No ensino da unidade curricular é utilizado o método expositivo, interrogativo bem como a análise e discussão de casos práticos. A Avaliação consiste na realização de 1 frequência teórica e de 1 trabalho de grupo, apresentado em sala de aula.
Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objectivos de Aprendizagem da Unidade Curricular:
As metodologias propostas permitem a sensibilização para a função de monitorização e vigilância de idosos. A comunicação, a participação activa dos alunos e análise de situações clínicas são uma estratégia utilizada para a aprendizagem.
Bibliografia:
Almeida, L.A., ed. (1996) A idade (não) perdoa? O idoso à luz da neurologia gerontológica. Gradiva: Lisboa.
Ano Europeu do Envelhecimento Ativo e da Soldariedade entre Gerações in Programa de Ação. 2012, Governo de Portugal.
Austad, S. N. (1997). The paradox of aging. In Why we age: pags 1-14

Brito, J. H. S. (2005). O idoso, a família e a sociedade. Brotéria 161: 275-285
Programa Nacional para a Saúde das Pessoas Idosas. 2006, Direcção - Geral da Saúde: Lisboa.
Serrão, D (2014). A medicina do futuro: fundamentos para uma profecia. Acção Médica LXXVIII, Nº 3 Setembro
Docente (* Responsável):
Manuela Guerra (mmguerra@ufp.edu.pt)