Unidade Curricular:Código:
Enfermagem de Saúde Materna II - Ensino Clínico852EMT2
Ano:Nível:Curso:Créditos:
3LicenciaturaEnfermagem6 ects
Período Lectivo:Língua de Instrução:Nº Horas:
Segundo SemestrePortuguês/Inglês78
Objectivos de Aprendizagem:
A unidade curricular de Enfermagem de Saúde Materna I I, tem como finalidade proporcionar ao estudante da licenciatura de Enfermagem a mobilização de conhecimentos, capacidades e habilidades, aprendidos ao nível da unidade curricular de Enfermagem de Saúde Materna I, para o contexto de ensino clínico. Esta comporta dois momentos: seminários e estágio. Os seminários, na universidade, visão a preparação os alunos para o estágio. O estágio decorre num serviço de Obstetrícia/maternidade, visa a aquisição de competências científicas, técnicas e interpessoais que permitam, entre outras, planear, executar e avaliar intervenções de enfermagem ás grávidas/puérperas/recém-nascidos e suas famílias, compreender as responsabilidades éticas e legais do Enfermeiro e aplicar o Processo de Enfermagem como metodologia científica de trabalho, utilizando a linguagem CIPE.
Conteúdos Programáticos:
Intervenções de enfermagem na gravidez;
Intervenções de enfermagem no trabalho de parto;
Intervenções de enfermagem ao Recém-Nascido;
Intervenções de enfermagem no Puerpério;
Intervenções de enfermagem domiciliárias à puérpera.
Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objectivos da Unidade Curricular:
O estágio decorre em contexto hospitalar, num serviço de Obstetrícia/Maternidade. Na consulta, os alunos de enfermagem têm oportunidade de, orientados por uma enfermeira especialista, observar e colaborar nas consultas enfermagem de saúde materna, fazer educação para a saúde sobre temas referentes à temática do semestre e participar em sessões de preparação para a parentalidade. No serviço de obstetrícia/maternidade, os estudantes têm oportunidade de primeiro observar os cuidados prestados pelos enfermeiros e depois, sob a orientação do enfermeiro orientador/auxiliar pedagógico, planear, executar e avaliar cuidados de enfermagem à puérpera/recém-nascido/família, numa abordagem holística, preservando os princípios éticos e deontológicos assim como a manutenção de um ambiente seguro, mobilizando as competências adquiridas na Unidade Curricular Saúde Materna I.
Metodologias de Ensino (Avaliação Incluída):
Seminários, que incluem a demonstração de procedimentos específicos da enfermagem de saúde materna, orientação e supervisão clínica realizada pelo enfermeiro orientador/auxiliar pedagógico e pelo enfermeiro supervisor da universidade.
Pela importância de que se reveste a avaliação, enquanto momento de aprendizagem, esta deve ser contínua, com ênfase no esforço e responsabilidade demonstrados pelo aluno na construção do seu saber: saber fazer, saber estar e saber ser. Assim, a classificação final do EC incluirá:
•Classificação da componente prática do estágio;
•Classificação do relatório de estágio e do trabalho e participação no seminário.
Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objectivos de Aprendizagem da Unidade Curricular:
O estudante começa por observar os cuidados prestados pelos enfermeiros, para progressivamente planear, executar e avaliar os cuidados prestados aos utentes, sempre com a supervisão do enfermeiro orientador/auxiliar pedagógico. Nas sessões de grupo, são analisados casos clínicos que permitam refletir sobre a singularidade de cada situação, desenvolvendo no estudante espírito crítico e de ajuda.
Bibliografia:
Bobak, M., Deitra, Irene;; Lowolermilk, L.; Jensen. M.: D.; Perry, Shannon E. (1999). Enfermagem na Maternidade. , 4ª ed. Lusociência.
Burroughs, Arlene. (1995). Uma Introdução à Enfermagem Materna. Porto Alegre, 6ª Ed. Artes Médicas Sul Lda.
Cabero Romero, Luis (2003) Tratado de Ginecologia, Obstetricia y Medicina de la Reproduccion (Tomo I e II), 1º Ed. Editorial Panamericana,S.A.
Colman, A. & Colman, L. (1994). Gravidez: a experiência psicológica. Lisboa: Edições Colibri.
Galvão, Dulce (2005). Amamentação bem sucedida: alguns factores determinantes. Loures: Lusociências- Edições Técnicas e Científicas, Lda.
Jonathan S ,Berek. (2002). Novak’s Gynecology. Baltimore, 12ªed. Lippincott Williams e Wilkins.
Lowdermilk, Deitra ; Shannon Perry. (2008). Enfermagem na Maternidade, Lisboa, 7ª ed. Lusodidacta.
Docente (* Responsável):
Andreia Lima (amlima@ufp.edu.pt)
Isabel Fonseca (isaf@ufp.edu.pt)