Unidade Curricular:Código:
Medida e Investigação da Violência e do Crime983MIVC
Ano:Nível:Curso:Créditos:
1MestradoPsicologia da Justiça: Vítimas de Violência e de Crime4 ects
Período Lectivo:Língua de Instrução:Nº Horas:
Primeiro SemestrePortuguês/Inglês52
Objectivos de Aprendizagem:
Com esta unidade curricular pretende-se i) Integrar métodos, técnicas, procedimentos na área da medida e investigação da violência e crime;
ii) Integrar os conhecimentos teóricos, as técnicas e estratégias de investigação da violência e crime de forma aplicável a situações concretas;
iii) Selecionar métodos e técnicas apropriados;
iv) Determinar as características relevantes do testemunho de indivíduos (vítimas menores e adultas, suspeitos) através da realização de entrevistas e outros instrumentos de investigação da violência e crime;
v) Aperfeiçoar competências de comunicação oral e escr
Conteúdos Programáticos:
1ª Unidade – 1. Considerações introdutórias. 1.1. Noções e objetos de estudo; 1.2. A importância do saber psicológico como coadjuvante do saber jurídico; 1.3. O papel do psicólogo na investigação da violência e crime; 1.4. Medidas de análise da violência e crime
2ª Unidade – 2. Estratégias e técnicas de investigação da violência e crime: considerações gerais; 2.1.Investigação com crianças vítimas; 2.2. Investigação com vítimas adultas; 2.3. Investigação com suspeitos de crimes
Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objectivos da Unidade Curricular:
Unidade 1 - Os conteúdos visam aprofundar matérias teóricas na área da investigação da violência e crime, permitindo atingir os objetivos desta unidade, especificamente: integrar conhecimentos, competências e capacidades para uma actuação técnica e ética; demonstrar conhecimentos e competências para executar tarefas na interface entre esta área e o Direito.
Unidade 2 - Os conteúdos visam a aplicação prática dos conhecimentos teóricos na área da investigação da violência e crime, permitindo atingir os objectivos desta unidade, concretamente: selecionar e aplicar métodos e técnicas de investigação apropriados; Revelar capacidade de comunicação oral e escrita; mostrar autonomia e conduta responsável na prática forense.
Metodologias de Ensino (Avaliação Incluída):
Teste (60%) + trabalho prático (40%)
Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objectivos de Aprendizagem da Unidade Curricular:
Unidade 1 – Exposição teórica de conteúdos caracterizadores da área de actuação da medida e investigação da violência e crime; Apresentação de testemunhos, reais (anónimos) ou imaginados;Demonstrações; Exercícios práticos com o objetivo de demonstrar conhecimentos e competências para executar tarefas na interface entre a Psicologia e o Direito. Unidade 2 - Exposição teórica de conteúdos caracterizadores da área de actuação; Apresentação e manuseamento de materiais usados na investigação da violência e crime; Debate individual e em grupo de casos para distintas problemáticas que constituem solicitações judiciárias; Demonstrações; Dominar as principais técnicas e metodologias usadas na entrevista; Revelar capacidade de comunicação oral e escrita dos conteúdos periciais; Mostrar autonomia e conduta responsável na prática judiciária.
Bibliografia:
Bartol, C. R. & Bartol, A. M. (2015). Psychology and Law: research and practice. London:Sage.
Caridade, S. (2011). Vivências Íntimas Violentas - Uma Abordagem Científica. Coimbra: Editora Almedina.
Fonseca, A. (2006). Psicologia forense. Coimbra: Almedina.
Fonseca (2008). Psicologia e Justiça. Coimbra: Almedina.
Maia, R., Nunes, L., Caridade, S., Sani, A.I.S., Estrada, R., Nogueira, C., Fernandes, H., & Afonso, L. (2016). Dicionário Crime, Justiça e Sociedade. Lisboa: Edições Sílabo.
Memon, A., Vrij, A., & Bull, R. (2003, 2.º ed.). Psychology and law: truthfulness, accuracy and credibility. London: McGraw –Hill.
Paulino, M. & Almeida, F. (2014). Psicologia, Justiça & Ciências Forenses. Perspetivas atuais. Lisboa: Pactor.
Sani, A. & Caridade, S. (2014). Violência, agressão e vitimação: práticas para a intervenção. Coimbra: Almedina.
Walklate, S. (2017). Handbook of victims and victimology (2nd edition).London:Routledge
Docente (* Responsável):
Sónia Caridade (soniac@ufp.edu.pt)