Unidade Curricular:Código:
Opinião Pública e Justiça Criminal780OPJC
Ano:Nível:Curso:Créditos:
3LicenciaturaCriminologia6 ects
Período Lectivo:Língua de Instrução:Nº Horas:
Primeiro SemestrePortuguês/Inglês78
Objectivos de Aprendizagem:
i) Compreender os conceitos de opinião púbica, medo do crime e insegurança e fomentar a aquisição de conhecimentos acerca dos efeitos no sistema de justiça criminal.
ii) Apreender os diversos condicionalismos geradores de opinião pública sobre a justiça criminal.
iii) Avaliar criticamente os diversos condicionamentos geradores de sentimentos de insegurança e medo do crime estimulando a reflexão crítica dos alunos em torno à reação social e institucional ao crime.
iv) Conhecer os fatores que influenciam a decisão das vítimas em denunciar crimes e a influencia da opinião pública nas prisões
Conteúdos Programáticos:
1ª Unidade: OPINIÃO PÚBLICA, MEDO DO CRIME E INSEGURANÇA: CONCEITOS E DEFINIÇÕES
1.1. A procura do conceito de opinião pública e atitudes:Formação da opinião pública:
1.2. Medo do Crime e sentimento de Insegurança
1.3. Custos da victimização e sentimento de insegurança
1.4. A confiança nas instituições
2ª Unidade: MÉTODOS DE PESQUISA DA OPINIÃO PÚBLICA
2.1. A observação indireta
2.2. A observação direta
2.2.2. Os inquéritos de opinião e atitudes
3ª Unidade: OPINIÃO PÚBLICA E JUSTIÇA CRIMINAL
3.1. A importância da opinião pública no sistema de Justiça Criminal
3.2. A medida da opinião pública sobre o sistema de justiça: questões metodológicas
4ª Unidade: OPINIÃO PÚBLICA: VITIMAS E OFENSORES
4.1. Sistema de Justicia criminal e vitimas.
4.2. Opinião pública e prisão.
4.3. Opinião púbica e reabilitaçao dos delinquentes.
Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objectivos da Unidade Curricular:
Atentos os objectivos fixados, os conteúdos programáticos estão adequados a fornecer aos alunos uma ampla e completa visão do panorama criminológico em torno da opinião pública e a sua importância no sistema de Justiça Criminal. São também abordados os diversos condicionalismos geradores de insegurança e as políticas públicas punitivas, e aspectos metodológicos da medida da opinião pública.
São analisadas também os fatores que influenciam a decisão das vítimas em denunciar crimes e a influencia da opinião pública nas prisões e na reabilitação dos ofensores.
Metodologias de Ensino (Avaliação Incluída):
Trabalho prático (40%) e teste (60%)
Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objectivos de Aprendizagem da Unidade Curricular:
A metodologia de ensino incluirá exposição teórica, pesquisa, leitura e discussão de bibliografia específica bem como debates temáticos e reflexões críticas. A avaliação será contínua, baseando-se na realização da uma prova escrita de avaliação, na execução de um trabalho prático, na apresentação e discussão oral desse trabalho, assim como na execução de tarefas teórico-práticas em sala de aula, e na pontualidade e a assiduidade do aluno.
Bibliografia:
Augras, M. (1980). Opinião pública. Teoria e pesquisa. 4ª Edic. Petrópolis Edit. Lisboa. 165 pág.
Cavadino, M. e Dignan, J. (2007). The Penal System. An introduction. Fourth Edition. Sage publications, London. 474 pág..
De Maillard, J. (1995). Crimes e Leis. Instituto Piaget. Bibiloteca Básica de Ciência e Cultura. Lisboa. 149 pág.
Flanagan, T.J. e Longmire, D. R. (edit.)(1996). Americans View Crime and Justice. A National Public Opinion Survey. Sage Publications, London. 219 pág.
Garland, D. (2002): The Culture of Control. Crime and social order in the contemporary society. Oxford University Press.
Docente (* Responsável):
Manuela Niza Ribeiro (mnr@ufp.edu.pt)