Unidade Curricular:Código:
Contabilidade Geral I987CG1
Ano:Nível:Curso:Créditos:
1LicenciaturaCiências Empresariais7 ects
Período Lectivo:Língua de Instrução:Nº Horas:
Primeiro SemestrePortuguês/Inglês91
Objectivos de Aprendizagem:
Os objectivos fundamentais desta unidade curricular, implícitos nos temas a abordar, são a obtenção de um enquadramento conceptual adequado à Contabilidade, a compreensão do processo de normalização contabilística e a prática contabilística desde a abertura da Escrita até à Prestação de Contas. No final o aluno deverá ser capaz de efectuar registos contabilísticos que envolvam contas das diferentes classes do Sistema de Normalização Contabilística, bem como elaborar as principais demonstrações financeiras.
Conteúdos Programáticos:
A evolução histórica, os conceitos, os objectivos e as divisões da Contabilidade. A Contabilidade e o processo de decisão. O património. O inventário. A conta. As principais demonstrações financeiras. A normalização contabilística em Portugal. O Sistema de Normalização Contabilística. Outros modelos de normalização contabilística adoptados em Portugal. A escrituração: da abertura da escrita à preparação e apresentação das demonstrações contabilísticas.
Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objectivos da Unidade Curricular:
Reconhecer a importância da Contabilidade no processo de tomada de decisões, por parte de todos aqueles que têm interesse na empresa (utentes).
Ser capaz de efectuar um enquadramento conceptual adequado à Contabilidade (evolução histórica, objectivos e suas divisões), dominar noções básicas a ela associadas (património, inventário, regras de movimentação dos diferentes tipos de contas, método digráfico) e as principais demonstrações financeiras.
Compreender o processo de normalização e harmonização contabilística internacional e a sua relevância aos mais diferentes níveis, com particular destaque para a comparabilidade da informação financeira das empresas.
Dominar as partes constitutivas do SNC e, de uma forma comparativa em termos da sua aplicabilidade, de outros normativos contabilísticos vigentes em Portugal.
Efectuar lançamentos que envolvem contas das diferentes classes do SNC bem como as operações de final do período e a preparação e apresentação das demonstrações financeiras.
Metodologias de Ensino (Avaliação Incluída):
A metodologia de ensino é de carácter explicativo e participativo e inclui a apresentação de conceitos, acompanhada de exemplos práticos, e a resolução e análise de casos práticos. A avaliação das competências será aferida com base na realização de 2 testes de avaliação intermédia (com uma ponderação de 50% cada um na nota final).
Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objectivos de Aprendizagem da Unidade Curricular:
Começa-se por abordar o conceito de empresa, identificar as relações estabelecidas no seu interior e com o exterior e definir os conceitos de fluxos monetários e fluxos reais. É feito um breve resumo da evolução histórica da contabilidade, sua definição e os ramos em que se divide – geral e de custos. Uma vez evidenciada a importância da contabilidade como sistema de informação, são apresentados alguns conceitos básicos: património (ou capital próprio), factos patrimoniais (permutativos e modificativos), activo, passivo e inventário, entre outros. Introduz-se o conceito, as características, a classificação e as regras de movimentação das contas e deduz-se a equação fundamental do balanço. O balanço e a demonstração dos resultados são apresentados e conceituados como as principais demonstrações contabilísticas que permitem a tomada de decisões por todos aqueles que têm interesses na empresa (utentes). Define-se e apresentam-se as vantagens da normalização e harmonização contabilística e é feito um historial da normalização contabilística em Portugal desde a aprovação do POC até aos dias de hoje. O estudo do SNC começa pela apresentação dos seus elementos fundamentais: Estrutura Conceptual, Bases para Apresentação das Demonstrações Financeiras, Modelos de Demonstrações Financeiras, Código de Contas, Normas Contabilísticas e de Relato Financeiro, Outras Normas Contabilísticas e Normas Interpretativas. São ainda abordados outros modelos de normalização contabilística adoptados em Portugal, aplicáveis a entidades de diferentes tipos e características. São tratados os registos contabilísticos desde a abertura de uma escrita até à preparação e apresentação das demonstrações financeiras, passando pelo registo de factos ao longo do período e resolvidos casos práticos que envolvem lançamentos em contas das diferentes classes do SNC – depósitos relacionados com maios financeiros líquidos, compras de inventários e de outros bens e serviços, aquisição de investimentos e processamento e pagamento de salários – tendo sempre por base o conceituado no Código do IVA. É ainda feito o apuramento periódico deste imposto. Em termos de regularizações do final do exercício são analisados casos práticos que contemplam inventários, criação e redução total ou parcial de imparidades, registo de gastos de amortização e depreciação e diferenças cambiais. São resolvidos casos práticos relacionados com o processo de encerramento das contas e a preparação e elaboração das demonstrações financeiras, nomeadamente balancete antes da rectificação e lançamentos do apuramento do resultado líquido do período. A metodologia indicada permite que o aluno alcance os objectivos específicos enumerados, bem como competências gerais: (i) capacidade e autonomia para resolver problemas; (ii) capacidade de aplicar o conhecimento; (iii) capacidade de trabalhar autonomamente e em grupo.
Bibliografia:
Borges, A., Rodrigues, A. e Rodrigues, R. (2014). Elementos de Contabilidade Geral. 26ª Edição, Lisboa, Áreas Editora.
Costa, C. B. e Alves, G. C. (2014). Contabilidade Financeira. 9ª Edição, Lisboa, Rei dos Livros.
Rodrigues, J. (2018). Sistema de Normalização Contabilística – SNC Explicado. 6ª Edição, Porto, Porto Editora.
Docente (* Responsável):
Luisa Ribeiro (luisar@ufp.edu.pt)