Unidade Curricular:Código:
Desenho do Projeto de Investigação, de Elaboração e de Edição da Tese1151DPIE
Ano:Nível:Curso:Créditos:
1DoutoramentoCiências da Comunicação15 ects
Período Lectivo:Língua de Instrução:Nº Horas:
Segundo SemestrePortuguês/Inglês195
Objectivos de Aprendizagem:
Competências que permitam a conceção, elaboração e edição de uma tese de doutoramento.
Autonomia no planeamento e execução de pesquisa teórica e empírica no domínio das ciências da comunicação.
Reflexão acerca das responsabilidades éticas e sociais da investigação científica.
Capacidade de formulação de um problema, identificando hipóteses e variáveis para o circunscrever.
Capacidade para analisar criticamente textos científicos avançados na área das ciências da comunicação, avaliando e sintetizando os mesmos através de resumos e recensões críticas, promovendo o pensamento crítico e abstrato.
Utilização eficaz de recursos de aprendizagem e de gestão e organização de produção científica.
Capacidade para comunicar conhecimentos e raciocínios.
Conteúdos Programáticos:
1. Etapas do processo de investigação
1.1. A escolha do tema e sua justificação
1.2. Definição dos objetivos do trabalho
1.3. Formulação do problema e elaboração das questões de investigação e hipóteses
1.4. Revisão da literatura: Estado de arte, revisão bibliográfica e descrição das problemáticas
1.5. Elementos da escrita académica: rigor, objetividade, citação e paráfrase
1.6. Identificação do estudo de caso: explicitações metodológicas e escolha dos métodos e técnicas adequados
1.7. Recolha e tratamento de dados: observação, amostras, entrevistas e questionários
1.8. Apresentação e tabulação dos dados recolhidos
1.9. Análise e discussão dos resultados
2. Questões formais de edição da tese
2.1. Formatação do trabalho: estilo gráfico e normas de estilo
2.3. Formatação da bibliografia
2.4. Software de gestão e organização de produção científica
3. Disseminação do conhecimento
3.1. Publicação e apresentação dos resultados da tese em revistas académicas ou conferências
Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objectivos da Unidade Curricular:
De forma a garantir a conceção e elaboração de uma tese de doutoramento, o primeiro módulo abordará as etapas do processo de investigação, permitindo a autonomia no planeamento e execução de pesquisa teórica e empírica, formulando um problema e identificando hipóteses e variáveis.
Tendo como objetivo criar competências ao nível da análise crítica de textos científicos, promovendo o pensamento crítico e abstrato, serão realizados exercícios de revisão da literatura e de enunciação das problemáticas inerentes à tese.
Para assegurar uma correta aplicação dos aspetos formais de edição da tese, são abordados os elementos formais da escrita académica e os estilos em vigor no doutoramento, sendo ainda apresentados recursos de gestão e organização de produção científica.
De forma a capacitar a apresentação e comunicação do conhecimento produzido, são abordados, de um modo prático, aspetos relativos à disseminação do conhecimento.
Metodologias de Ensino (Avaliação Incluída):
A metodologia de ensino assenta na avaliação contínua, com participação dos discentes em apresentações de relatórios de leitura e propostas de tese, seguidas de debate.
Para isso, as aulas são de natureza teórico-prática, com apresentação pelo docente e interação com os discentes de modo a promover discussão dos temas abordados, sendo o método expositivo articulado com sessões de aplicação de conhecimentos e análise de casos práticos.
A avaliação será feita por registo de assiduidade, mas os alunos são motivados a entregar, apresentar e justificar uma proposta de projeto de investigação.
Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objectivos de Aprendizagem da Unidade Curricular:
Para compreensão e aplicação das etapas do processo de investigação, a U.C. adota uma metodologia de ensino que inclui a leitura e discussão de bibliografia específica na área das ciências da comunicação, bem como debates temáticos e reflexões críticas sobre a mesma. De forma a compreender e relacionar os diferentes estilos e métodos de gestão bibliográfica, serão fornecidos e exercitados aspetos relacionados com normas de edição de uma tese e de organização de referenciação bibliográfica. Para garantir competências de análise de fontes e capacidade de as articular na escrita dos conteúdos, o projeto de investigação permitirá a correta utilização e tratamento de informação científica. A natureza do programa visa, por isso, a avaliação, por via da escrita académica e apresentação da proposta de tese, o desenvolvimentos das capacidades enunciadas nos Objetivos.
Bibliografia:
Coutinho, C. P. (2015). Metodologia de investigação em ciências sociais e humanas. Coimbra: Almedina (bibliotecas UFP)
Fortín, M. (2009). O processo de investigação: da concepção à realização. Loures: Lusociência. (Bibliotecas UFP)
Gradim, A. (2016). Anões aos ombros de gigantes: desafios contemporâneos na comunicação de ciência. Lisboa: Livros Horizonte. (Bibliotecas UFP)
Hooley, T., Marriott, J. & Wellens, J. (2012). What is Online Research? Using the Internet for Social Science Research. London/NY: Bloomsbury Academic. (online)
Pocinho, M. (2012). Metodologia de Investigação e Comunicação do Conhecimento Científico. Lisboa: Lidel.
Prodanov, C. C. & Freitas, E. C. (2013). Metodologia do trabalho Científico. Rio Grande do Sul: Feevale. (online)
Schneiderman, B. (2016). The new abcs of research: achieving breakthrough collaborations. Oxford: Oxford U P. (Bibliotecas UFP)
UFP. (2022). Normas de Estilo para Teses de Doutoramento. (online)