Unidade Curricular:Código:
Gestão, Economia e Direitos em Cuidados de Saúde1097GEDC
Ano:Nível:Curso:Créditos:
2CTSPGestão Administrativa em Contexto Clínico5 ects
Período Lectivo:Língua de Instrução:Nº Horas:
Primeiro SemestrePortuguês/Inglês65
Objectivos de Aprendizagem:
Conferir aos alunos a capacidade de:
OA1. Identificar tendências de gestão em Saúde;
OA2. Descrever dinâmicas de políticas de saúde;
OA3. Distinguir entre problemas no âmbito da Macroeconomia e da Microeconomia;
OA4. Perceber a utilidade da utilização do modelo da procura e da oferta de mercado;
OA5. Aferir da utilidade/aplicabilidade dos conceitos e modelos da Economia na Saúde;
OA6. Ser capaz de fazer análise comparada dos sistemas de saúde;
OA7. Ser capaz de interpretar os diferentes diplomas legais referentes à Saúde;
OA8. Analisar criticamente a gestão das organizações de saúde.
Conteúdos Programáticos:
CP1. O Estudo do setor da saúde: Tendências internacionais
CP2. Modelos de Gestão em Saúde: os vários níveis de prestação dos cuidados de saúde
CP3. Procura, Oferta e Equilíbrio de mercado da saúde
CP4. Aplicabilidade e utilidade dos conceitos e modelos da Economia na Saúde
CP5. O Estado de Welfare e a generalização do direito à saúde: o Serviço Nacional de Saúde
CP6. Direitos e deveres do utente no Serviço Nacional de Saúde
Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objectivos da Unidade Curricular:
CP1. e CP2. >>>
- identificar tendências
- perceber a forma de tomar decisões em gestão em saúde,
- distinguir entre problemas no âmbito da Macroeconomia e da Microeconomia,
- distinguir entre a análise positiva e a análise normativa,
CP3. >>> perceber a utilidade da utilização do modelo da procura e da oferta de mercado.
CP4. >>> perceber a utilidade/aplicabilidade dos conceitos e modelos da Economia na Saúde.
CP5. >>> Ser capaz de fazer análise comparada dos sistemas de saúde.
CP6. >>> Ser capaz de interpretar os diferentes diplomas legais referentes à Saúde.
Metodologias de Ensino (Avaliação Incluída):
M1. A exposição dos conteúdos teóricos é feita com recurso a exemplos de forma a melhor perceber as aplicações práticas dos conceitos. Estes recursos são todos disponibilizados aos estudantes.
M2. A avaliação é contínua aliando a participação oral dos estudantes e um teste:
- desempenho na discussão e aprendizagem activa dos estudantes (com um peso de 50%);
- o teste incidindo na avaliação dos CP1, CP2, CP3, CP4, CP5, e CP6 (com um peso de 50%).
O aluno ficará aprovado à unidade curricular se a classificação final for igual ou superior a 9,5 valores, caso contrário, será remetido para a época de exame de final de semestre.
Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objectivos de Aprendizagem da Unidade Curricular:
A combinação de uma metodologia expositiva com recurso a pequenos exemplos de aplicação resultam numa melhor compreensão dos conceitos e ajudam os alunos a alcançarem os objetivos propostos para a Unidade Curricular (UC).
Bibliografia:
International Journal of Healthcare Management: https://www.tandfonline.com/toc/yjhm20/current
Mankiw, N.G. (2014). Introdução à Economia. Tradução da 6ª edição Norte-americana. Cengage Learning.
Morais, L. (2012). Liderança e estratégia – Casos de inovação nas organizações de saúde. Lisboa: Escolar Editora.
Porter, M. e Lee, T. (2013). The Big Idea: The Strategy That Will Fix Health Care, Harvard Business Review.
Shortell, S. e Kaluzny, A. (2000). Health care management: organization design and behaviour, 4th. Columbia: Delmar.
Cordeiro, Silvério. (2010). Estruturas Organizacionais Emergentes de Parcerias Público-Privadas. Lisboa: Universidade Lusíada Editora.
Barros, P. (2013). Economia da Saúde: Conceitos e Comportamentos. 3ª Edição. Coimbra: Edições Almedina.
Lei n.º 15/2014, de 21 de março com as respectivas alterações
Docente (* Responsável):
Gustavo Benevides (gustavo@ufp.edu.pt)