Unidade Curricular:Código:
Prática Clínica II1019PCL2
Ano:Nível:Curso:Créditos:
3LicenciaturaAnálises Clínicas e Saúde Pública16 ects
Período Lectivo:Língua de Instrução:Nº Horas:
Segundo SemestrePortuguês/Inglês208
Objectivos de Aprendizagem:
O estágio de aprendizagem é uma disciplina que contempla um total de 400 horas divididas por onze semanas e em que se pretende que o aluno:
- Desenvolva e aprofunde conhecimentos teóricos e práticos específicos em ambiente real de exercício profissional (laboratórios de análises clínicas e de imunohemoterapia).
- Desenvolva uma visão integrada do exercício profissional, tomando conhecimento de todos os aspectos que vão da recepção dos doentes ao contacto com as autoridades de saúde, passando pela logística básica (aquisição de reagentes, manutenção do equipamento, etc.)
- Desenvolva uma atitude profissional face ao doente e a todas as restantes pessoas com quem contacta no ambiente laboratorial: administrativos, técnicos, técnicos superiores, especialistas, etc.
Conteúdos Programáticos:
O estágio de aprendizagem é uma disciplina que contempla um total de 400 horas divididas por onze semanas (de segunda a sexta-feira – 7 horas por dia – e sábados – 5 horas), e em que se pretende que o aluno aprofunde conhecimentos e aperfeiçoe e aplique técnicas laboratoriais novas em ambiente real de exercício profissional, ou seja, num laboratório de análises clínicas de grande dimensão. São consideradas áreas obrigatórias para a formação do aluno as áreas da Bioquímica, Hematologia, Bacteriologia, Imunologia e Endocrinologia, as quais deverão ter uma expressão muito significativa nos locais de realização do estágio.
Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objectivos da Unidade Curricular:
O aluno estagiário irá aplicar os conhecimentos adquiridos nas diferentes unidades curriculares e desenvolver o seu espírito crítico em contexto real de trabalho nas diferentes áreas de laboratoriais.
Este trabalho em ambiente real permite:
- Desenvolver e aprofundar conhecimentos teóricos e práticos específicos em ambiente real de exercício profissional.
- Desenvolver uma visão integrada do exercício profissional, tomando conhecimento de todos os aspectos que vão da recepção dos doentes ao contacto com as autoridades de saúde, passando pela logística básica (aquisição de reagentes, manutenção do equipamento, etc.)
- Desenvolver uma atitude profissional face ao doente e a todas as restantes pessoas com quem contacta no ambiente laboratorial: administrativos, técnicos, técnicos superiores, especialistas, etc.
Metodologias de Ensino (Avaliação Incluída):
O regime de avaliação será contínuo. O aluno deverá elaborar o relatório de estágio e realizar uma defesa pública do trabalho realizado durante o estágio. A acompanhar o relatório de estágio deverá estar anexada a grelha de avaliação do orientador de estágio. A classificação final da unidade curricular da Prática Clínica II incluirá uma reflexão conjunta com o orientador de estágio e o supervisor do estágio.
Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objectivos de Aprendizagem da Unidade Curricular:
A avaliação continua do estágio, a apresentação oral e defesa do trabalho efetuado permitem verificar os conhecimentos e as competências adquiridas pelos alunos.
Bibliografia:
1. Statistical Methods in Laboratory Medicine, P. W. Strike, Butterworth Heinemann.
2. Clinical Chemistry, W. J. Marshall, Mosby.
3. Clinical Chemistry –Theory, Analysis and Correlation, L. Kaplan, A. Pesce, The C.V. Mosby Company.
4. Clinical Diagnosis and Management by Laboratory Methods, J. B. Henry, W.B. Saunders Company.
5. Tietz: Text Book of Clinical Chemistry, Ed. C.A. Burtis, E.R. Ashwood, W.B. Saunders Company.
6. Bulas dos equipamentos
Docente (* Responsável):
Céu Costa (ccosta@ufp.edu.pt)