Unidade Curricular:Código:
Cuidados de Enfermagem ao Adulto1077CEAU
Ano:Nível:Curso:Créditos:
2LicenciaturaEnfermagem10 ects
Período Lectivo:Língua de Instrução:Nº Horas:
Segundo SemestrePortuguês/Inglês130
Objectivos de Aprendizagem:
-Demonstrar conhecimentos, aptidões e atitudes para aplicação do processo de enfermagem à pessoa adulta com patologia médica ou cirúrgica;
-Demonstrar conhecimento e capacidade de compreensão sobre a problemática da pessoa a vivenciar processos de saúde/doença na área da enfermagem médico-cirúrgica;
-Fundamentar os cuidados de enfermagem à pessoa com alterações médico-cirúrgicas, bem como situações específicas, enquadrados nas etapas do processo de enfermagem;
-Demonstrar conhecimentos e habilidades para a execução de procedimentos técnicos associados à prática de enfermagem medica e cirúrgica;
-Desenvolver um pensamento crítico e capacidade de resolução de problemas no âmbito da enfermagem medica e cirúrgica;
-Integrar os conhecimentos das outras unidades curriculares, para a conceção de cuidados de enfermagem à pessoa adulta com patologia médica ou cirúrgica.
Conteúdos Programáticos:
1.A pessoa/família e a hospitalização: do acolhimento ao regresso a casa
- Processo de transição saúde-doença, impacto na pessoa e na família
2.Cuidados de enfermagem na pessoa com doença oncológica
3.Cuidados Enfermagem à pessoa no controlo da Dor
4.Cuidados de enfermagem à pessoa com patologia médica e cirúrgica:
-sistema respiratório, cardiovascular, gastrointestinal, hepatobiliar endócrino, metabólico; neurológico, renal, urológica; hematológico, músculo-esquelético e infeciosas
- Práticas laboratoriais: Procedimentos de enfermagem associados
5.Cuidados de enfermagem em diferentes exames complementares de diagnóstico
6.Bloco operatório
-Introdução ao ambiente cirúrgico
-Riscos no Bloco Operatório
- Cuidados de enfermagem face a agentes terapêuticos
- Cuidados de enfermagem à pessoa nas diferentes etapas do peri-operatório
- Cuidados de enfermagem à pessoa em regime de cirurgia ambulatória
- Procedimentos técnicos associados à prática de enfermagem na área cirúrgica
Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objectivos da Unidade Curricular:
Demonstração da coerência dos conteúdos programáticos com os objetivos de aprendizagem da unidade curricular:
Os conteúdos programáticos desta unidade curricular refletem uma abordagem situada no âmbito da enfermagem na Saúde do Adulto, considerando uma perspetiva de intervenção abrangente e holística. Baseia-se no desenvolvimento de diferentes temáticas de forma integrada, com enfase na abordagem da problemática da pessoa a vivenciar processos de saúde/doença em contexto medico e cirúrgico e sua relevância para a sistematização dos cuidados de enfermagem de acordo com as etapas do processo de enfermagem. Atenta-se que os conteúdos programáticos se encontram em conformidade com os objetivos da unidade curricular, permitindo ao estudante obter conhecimentos e capacidade de compreensão que suportem a fundamentação dos cuidados de enfermagem a desenvolver, de forma segura e adequada.
Metodologias de Ensino (Avaliação Incluída):
A unidade curricular desenvolve-se em horas de contacto e no tempo de trabalho autónomo do estudante. Para os objetivos pretendidos recorre-se a metodologias de ensino expositivas, interrogativas e de simulação. As aulas teóricas são essencialmente expositivas e de interação. As aulas teórico-práticas são destinadas a aprofundar as temáticas lecionadas com auxílio de material didático adequado (simuladores, modelos, vídeos) e para a demonstração, execução de técnicas e procedimentos que serão, posteriormente, desenvolvidas pelos estudantes em práticas simuladas, sob orientação e supervisão de docente. 1 Frequências teóricas (60%) e elaboração, apresentação e discussão de trabalhos escritos, casos clínicos (40%).Exame: os alunos que não obtiverem a aprovação em avaliação contínua, poderão fazer o exame constituído por 1 frequência escrita, com a ponderação de 100%
Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objectivos de Aprendizagem da Unidade Curricular:
As metodologias de ensino são orientadas em coerência e articulação com os objetivos de aprendizagem definidos. No seu conjunto configuram uma estratégia essencialmente interativa centrada no estudante, com aposta num trabalho que estimule a reflexão e valorize os processos de natureza cognitiva e interpessoal, devidamente orientado e enquadrado nas sessões letivas teóricas, teóricas/práticas e de práticas laboratoriais da unidade curricular. Com a implementação das metodologias consideradas, é pressuposto que o estudante se envolva ativamente na sua evolução e delineie esforços na busca de informação atualizada, que suporte os trabalhos e desenvolva aptidões e competências para diagnosticar, planear, executar e avaliar cuidados de enfermagem à pessoa idosa com patologia médica e cirúrgica.
Bibliografia:
Bezerra, A. (2016). Oncologia para Enfermagem. Bookpartners Brasil Editora.
Martins, O.; Duarte, A. (2014). Enfermagem em Bloco Operatório. Lisboa: Lidel
Ferreira, M; Ferreira C. (2018). Intervenções e Procedimentos em Enfermagem. Lisboa: Lidel
Internacional Council of Nurses (2016). Classificação Internacional para a Prática da Enfermagem (CIPE®) Versão 2015
Janice Hinkle et al (2015).Brunner & Suddarth: Manual de Enfermagem Médico-Cirúrgica. (13ª Ed). Guanabara Koogan;
Ordem dos Enfermeiros (2003) - Competências do Enfermeiro de Cuidados Gerais. Divulgar: Lisboa.
Ordem dos Enfermeiros (2011) - Regulamento do Perfil de Competências do Enfermeiro de Cuidados Gerais. Divulgar: Lisboa.
Phipps, J. et al (2010) - Enfermagem Médico-Cirúrgica: Perspetivas de Saúde e Doença. (8ª. ed). Loures: Lusodidacta
Portugal. Ministério da saúde (2011). Manual de Normas de Enfermagem: Procedimentos Técnicos. (3ª ed).